RSS Feed
    Pesquisa avançada 
Keitaro entrevista S-NES
Entrevista feita pelo Keitaro e publicada em 02/10/2004:


Conheça um pouco mais sobre S-NES:

Keitaro: Primeiramente, fale um pouco de você. (idade, profissão, lugar onde mora, etc.)

S-NES: Tenho 18 anos, sou de São Paulo, capital, e no momento apenas estou estudando para o vestibular no fim do ano (vou prestar para o curso de direito na USP).

Keitaro: Conte um pouco da sua vida com relação a vídeo-games e jogos.

S-NES: Comecei a jogar em 1990, mais ou menos, mas só fui ter meu primeiro vídeo-game em 1994 (um saudoso Super Nintendo). Ultimamente tenho jogado pouco, só me interesso mesmo por bons RPGs e quando estão traduzidos...

Keitaro: Qual é o seu emulador / jogo preferido? Por quê?

S-NES: Meu emulador preferido é o SNES9X, pois eu o acho melhor que o ZSNES... O jogo pode ser Tales of Phantasia ou Chrono Trigger.

Keitaro: Como você conheceu os emuladores?

S-NES: Na época que Pokémon estava na moda, não me lembro como, mas meu irmão arrumou uma ROM da versão azul. Daí um tempo depois, na casa do meu primo, a gente entrou no site da CBT (eu não tinha internet em casa ainda), e daí fui conhecendo...

Keitaro: A que grupo você pertenceu / fundou? Conte um pouco da história dele.

S-NES: Bom, eu pertenço / pertenci a Tradu-Roms (hehehehe. nem sei se ainda faço parte. Não traduzo nada há um bom tempo...). Sobre a história, não sei. Entrei quando o grupo já estava ativo há algum tempo.

Keitaro: O que te levou a traduzir?

S-NES: Achei legal a idéia de poder ver os jogos em português e resolvi tentar ajudar...

Keitaro: Que jogo(s) você traduziu? Conte um pouco da história da(s) sua(s) tradução(ões).

S-NES: O primeiro foi Spiderman Mysterio's Menace (GBA), e foi ele que me fez entrar para a Tradu-Roms. Depois dele ainda traduzi mais alguns jogos de GBA sem importância (Crash Bandicoot XS e The Powerpuff Girls Mojo Jojo A-Go-Go) e um jogo de GBC (Spider-Man 2 - The Sinister Six). Todas traduções muito fáceis... Além desses, minha última tradução foi Alone in the Dark - O Novo Pesadelo (GBC), também feita sem muita dificuldade por não necessitar de modificações de ponteiros e não ter muito texto, apesar de ter sido uma tradução "melhor" se comparada às outras que fiz.

Keitaro: Que jogos você ajudou a traduzir?

S-NES: Ajudei meu amigo Kinho (da Trans-Center) a traduzir um script de aproximadamente 8Kb do jogo Megaman Zero 2 de GBA.

Keitaro: O que o afastou da emulação / romhacking?

S-NES: Tempo. Tenho estudado muito para o vestibular e, além disso, tenho uma banda que ocupa todo o resto do meu tempo...

Keitaro: Como anda a sua vida atualmente?

S-NES: Chata... Não tem sobrado tempo para muita coisa, além de que fazer cursinho é um pé no saco!!!

Keitaro: O que você espera da emuscene / romhacking nesse e nos próximos anos?

S-NES: Bom, espero que ela comece a crescer mais rapidamente... principalmente os grupos de tradução brasileiros. Parece que muitas fusões e uniões vêm por aí... Já a emuscene, parece que só o lado do GBA mesmo tem perspectivas de continuar crescendo, pois poucas pessoas tem PCs bons o suficiente para emular a nova geração de vídeo-games.

Keitaro: Anda acompanhado a emuscene / romhacking atualmente? Se sim, o que acha? E sobre os grupos brasileiros de tradução de hoje?

S-NES: Acompanho só o fórum da união dos grupos de tradução e a BR Games... Sobre os grupos de tradução, estou otimista depois da união dos fóruns. Parece que muita coisa boa (como parcerias) vem por aí.

Keitaro: Você tem algum futuro projeto relacionado à emulação / romhacking em mente?

S-NES: Gostaria de traduzir em grupo o game Mario & Luigi Superstar Saga, mas o Kinho, que ia me ajudar, nem sei se está trabalhando nisso... E também falta tempo até para traduzir scripts...

Keitaro: Tem algo que eu não perguntei e que você gostaria de falar / contar?

S-NES: Não.

Keitaro: Alguma palavra final? Algo a dizer a quem está lendo / vai ler?

S-NES: Bom, queria agradecer às pessoas que me ajudaram no tempo em que eu traduzia:

Primeiramente ao Fserve pela paciência e por aceitar alguém tão desleixado e sem talento como eu num grupo de tradução. Gostaria de agradecer também ao Farofa e ao Kinho pela amizade e pela força, ao Gambas pela vontade de ajudar sempre e por ser um cara muito legal também, e a todos que um dia dedicaram seu tempo numa tradução, que no fim deixaram meus jogos mais divertidos ou que através de seus tutoriais me ensinaram alguma coisa.
  Veja em artigo em formato PDF Imprimir artigo Enviar artigo

Navegação
Artigo prévio Keitaro entrevista PirateAlx Keitaro entrevista Spyblack Próximo artigo
Sites recomendados
Utilitários recentes
eXTReMe Tracker
Acessos:

Click here